sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Há músicas (muito) boas de ouvir! XVIII

Sexta-feira de Carnaval é, de há alguns anos a esta parte, sinónimo de jantar carnavalesco da "Ciganada". Começou por ser um jantar de um pequeno grupo de amigos mas,de ano para ano, a caravana tem crescido :)
Hoje é o dia -ou melhor, a noite- e como ainda não me sinto imbuída do espírito carnavalesco, fico-me pelo espírito cigano, com esta música dos Gipsy Kings que tanto gosto: 
  
Desejando a todos os  que, por estes dias, caminharem pelas "calles" penicheiras (nos desfiles anunciados ou em busca da animação própria da quadra) um Carnaval divertido, alegre e musical!

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Missão Peniche


Desde o passado domingo e até ao próximo temos, em Peniche, 41 jovens universitários, da Faculdade de Ciências da Universidade Nova de Lisboa, que estão em missão evangelizadora durante uma semana, através do testemunho da fé, do serviço e da caridade. 
A Missão Peniche está integrada no projecto nacional de missões universitárias - Missão País- e os jovens que dela fazem parte têm estado durante toda a semana a desenvolver várias actividades na nossa comunidade (trabalho voluntário em instituições  sociais de Peniche, animação da missa diária, momentos de oração, convívio e acções de evangelização em escolas,casas particulares, etc). 
Algumas destas ações são claros convites à população de Peniche. Foi assim na 3ª feira (com uma noite de esclarecimento de dúvidas da Fé, orientada pelo padre Nuno Branco, jesuíta), ontem (numa noite de oração que eve lugar na Igreja de Nª Senhora da Ajuda) e HOJE (com a apresentação de uma peça de teatro no Auditório do Stella Maris). Podendo, participem. É mais logo, às 21h30.

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Cara Primavera!

Tens chegada anunciada para daqui a menos de um mês e -acredita- esperamos ansiosamente 
por ti! 
Estamos cansados de chuva e céu cinzento e queremos muito que tragas contigo um pouco mais de cor ("pastel" ou "ácidas", tanto faz) e de calor!
Precisamos da tua inspiração, da tua leveza...Podes vir vestida às flores (que são afinal o teu símbolo),acompanhada por frutas ou animais, às riscas ou com franjas. Também se aceitam transparências ou padrões inspirados nas artes e nas tribos que pululam por esse mundo fora.  Chegarás no dia que é também o da poesia (e, bem vistas as coisas, não há coincidências)!
Vem, como vieres, mas vem! Cá te aguardamos! E vamos sorrir, à tua chegada...

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Carnaval em Peniche

O Carnaval já está aí e por isso aqui fica esta proposta para o próximo sábado,1 de março :  uma Oficina de Máscaras de Carnaval, destinada a crianças entre os 6 e os 10 anos de idade, promovida pelo/no Centro Interpretativo de Atouguia da Baleia (CIAB).A inscrição nesta oficina é gratuita, mas deve ser efetuada junto do CIAB pelo telefone 262 758 644 ou pelo email ciab@cm-peniche.pt.
Quanto ao restante programa carnavalesco, no Concelho de Peniche, podem clicar aqui para ficarem a par de alguns dos desfiles e bailes que prometem animar os dias que se aproximam. Muito mais animação está prometida nas ruas, coletividades e bares de Peniche para garantir a folia de todos aqueles que gostam particularmente do ambiente festivo desta quadra, marcado pela fantasia, pela música e por alguma ironia!A todos, um bom Carnaval!

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

É 2ª feira mas...tudo bem!

"De que são feitos os dias?
- De pequenos desejos,
vagarosas saudades,
silenciosas lembranças.

Entre mágoas sombrias,
momentâneos lampejos:
vagas felicidades,
inactuais esperanças.

De loucuras, de crimes,
de pecados, de glórias
- do medo que encadeia
todas essas mudanças.

Dentro deles vivemos,
dentro deles choramos,
em duros desenlaces
e em sinistras alianças..." 

                                                                                                      (poema de Cecília Meireles, in 'Canções')

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Dos pequenos-almoços...e não só!

Todos sabemos a importância que tem o pequeno-almoço no conjunto das nossas refeições diárias. Sendo a primeira refeição do dia, após um jejum de algumas horas e antecedendo todo um dia de atividade, deveria ser uma das nossas refeições mais nutritivas e variadas. Infelizmente, sabemos que não o é, para a maioria das pessoas. Eu própria, que sou daquelas que não sai de casa sem tomar o pequeno-almoço, limito-me sempre ao tradicional café com leite a acompanhar um pão, com manteiga ou doce. Mesmo em dias em que me é dado ter na mesa outras iguarias, raramente fujo disto! Confesso que assim como não sou capaz de conceber começar o dia sem comer, também fico nauseada só de pensar num daqueles pequenos almoços anglo-saxónicos, com ovos e bacon à mistura. Enfim...como em tudo na vida parece que "no meio é que está a virtude" e este fim de semana decidi experimentar um pequeno-almoço intermédio, dentro da minha zona de conforto (confesso), que ainda assim é alargada, visto que até nem sou moça esquisita e gosto de praticamente todas as frutas, latícinios e bebidas que devem fazer parte desta primeira refeição do dia. Assim, no sábado, houve papas de aveia com canela e uma colher de sopa de mel, meia-manga com uma colherada de iogurte grego e, para finalizar, meia-bola com manteiga e uma bica. 

Hoje, voltei às papas de aveia com canela, variei na fruta (optei por um kiwi) que acompanhei com um mistura de iogurte grego e mel e, para terminar, um scone com doce de abóbora e o cafezinho da praxe. Outras opções havia, e haverá concerteza em fins-de-semana próximos, já que não pretendendo fazer este género de pequeno-almoço todos os dias, o farei concerteza aos fins-de-semana, quando o tempo para o usufruir também é maior. Pode-se sempre variar nos cereais (muesli, corn-flakes, granola...), nos frutos (dos frutos vermelhos, passando pela banana ou pela maçã, até aos frutos secos) e nas bebidas (leite, café, chá, sumos, batidos...) e - só aqui- a possibilidade de combinações já é grande. Com cada vez mais ofertas (à partida até mais saudáveis) à nossa disposição...porque não mudar alguns dos nossos hábitos alimentares?
O que não faltam por aí são programas, livros e sites de culinária e propostas de alimentação que podem fazer muito pela nossa saúde e bem-estar! Sem descurarmos (ou recuperando) no entanto, algumas particularidades da nossa alimentação tradicional que, felizmente, ainda vai estando enquadrada na dieta mediterrânica, considerada recentemente património imaterial da humanidade.

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Quarto das brincadeiras

...é o nome de mais um site que passa a constar na barra lateral e que tem como conceito base "uma ideia por dia para se divertir com as suas crianças". 

Os autores são pais de 3 filhos (com mais um "a caminho") e por isso sabem bem como, por vezes, parece difícil ter ideias para dar vazão à energia das crianças. 

Mas na verdade há muito por onde escolher quando se trata de entreter e, simultaneamente, educar as crianças. Entre sugestões de leitura, visitas a museus e outros centros de conhecimento, trabalhos manuais e aplicações informáticas, jogos e música, decidiram partilhar com outros as ideias e os programas de vão tendo conhecimento e que prometem divertir gente miúda e graúda. Aqui explicam melhor o porquê deste espaço...que é só ir seguindo por aqui...

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Quase de nada místico


...é o título deste poema de Ana Luísa Amaral, que aqui vos deixo:

"Não, não deve ser nada este pulsar
de dentro: só um lento desejo
de dançar. E nem deve ter grande
significado este vapor dourado,

e invisível a olhares alheios:
só um pólen a meio, como de abelha
à espera de voar. E não é com certeza
relevante este brilhante aqui:

poeira de diamante que encontrei
pelo verso e por acaso, poema
muito breve e muito raso,
que (aproveitando) trago para ti."

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

"É tudo o que precisa de ouvir"

...é o slogan da que ouço todos os dias!
Falo da rádio, como já perceberam, neste que  
é o seu dia!

E confesso que, para além de gostar de ouvir,também já tenho saudades de fazer rádio! 

Quem sabe, um destes dias, volte às ondas hertzianas?

A foto foi tirada numa emissão do Espaço Solidário, programa semanal que durante uns anos tive o prazer de fazer com o meu amigo Rogério, na 102 FM Rádio.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Corações ao alto!

Chegados a esta época do ano é ver toda uma panóplia de sugestões para celebrar o dia mais "cutchi-cutchi" do ano. Sob a égide de S. Valentim , os corações marcam presença nas montras e todo o comércio se agiganta para que o dia não passe em branco...ou não fosse o vermelho a cor da paixão! E como o amor anda no ar, também passou por aqui! 
Por isso, aqui ficam meia-dúzia de sugestões, para presentearem o vosso mais-que-tudo nesta data, com a particularidade de tanto darem pr'ó menino como pr'á menina:

1- Quadro "Carta de amor", da IKEA (9,99€). Para além deste, toda a gama de quadros OLUNDA merece uma vista de olhos;
2- Agenda intemporal "Gosto de ti todos os dias", da D. Quixote (8.01€);
3- Poemas de Amor-Antologia de poesia portuguesa, uma seleção de Inês Pedrosa (16,90€);
4- Cd Contramão, o mais recente de Pedro Abrunhosa (12,99€)...ou (porque não?) o bilhete para o concerto que o músico dará no próximo dia 29 de março, aqui no Centro Cultural das Caldas da Rainha;
5- Vinho "Amo-te" (7,99€/9,99€);
6- Cd Abraçaço, de Caetano Veloso (9,99€)...ou, já agora, o bilhete para o concerto de Caetano agendado para o próximo dia 28 de abril, no Coliseu de Lisboa.
...boa música, palavras que celebram o amor e um bom tinto alentejano para acompanhar...espero que gostem e que vos sirva de inspiração para o dia de S. Valentim e para todos os outros dias do ano!

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Um pouco mais de sol...um pouco mais de azul...

...são versos de um poema de Mário de Sá-Carneiro, intitulado Quase, que nada tem a ver com a meteorologia. Mas, como já diria António Gedeão, "todo o tempo é de poesia", hoje lembrei-me dele a propósito deste tempo cinzento, que nos leva a pedir um pouco mais de sol...um pouco mais de azul!



"Um pouco mais de sol - eu era brasa.
Um pouco mais de azul - eu era além.
Para atingir, faltou-me um golpe de asa...
Se ao menos eu permanecesse aquém...

Assombro ou paz? Em vão... Tudo esvaído
Nm baixo mar enganador de espuma;
E o grande sonho despertado em bruma,
O grande sonho - ó dor! - quase vivido...

Quase o amor, quase o triunfo e a chama,
Quase o princípio e o fim - quase a expansão...
Mas na minh'alma tudo se derrama...
Entanto nada foi só ilusão!

De tudo houve um começo... e tudo errou...
- Ai a dor de ser-quase, dor sem fim... -
Eu falhei-me entre os mais, falhei em mim,
Asa que se elançou mas não voou...

Momentos de alma que desbaratei...
Templos aonde nunca pus um altar...
Rios que perdi sem os levar ao mar....
Ânsias que foram mas que não fixei...

Se me vagueio, encontro só indícios...
Ogivas para o sol - vejo-as cerradas;
E mãos de herói, sem fé, acobardadas,
Puseram grades sobre os precipícios...

Num ímpeto difuso de quebranto,
Tudo encetei e nada possuí...
Hoje, de mim, só resta o desencanto
Das coisas que beijei mas não vivi...
.........................................
.........................................

Um pouco mais de sol - e fora brasa,
Um pouco mais de azul - e fora além.
Para atingir, faltou-me um golpe de asa...
Se ao menos eu permanecesse aquém..."

PS_O quadro que ilustra o post é de  Sonia Delaunay, contemporânea de Sá-Carneiro, e chama-se "Mercado do Minho".

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Pensamento do dia



"A vida nem sempre segue o nosso querer,mas ela é perfeita naquilo 
que tem de ser!"  
(Chico Xavier)

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Festival de sopas

É já este fim de semana que terá lugar o Festival de Sopas, no Pavilhão Polivalente! 
O seu objetivo principal é angariar fundos para as obras que estão em curso na Igreja de São Pedro e, como tal , estamos todos convidados a passar por lá ao jantar de sábado (dia 8) e/ou ao almoço de domingo (dia 9). Outros petiscos e doces estarão disponíveis para além das sopas e a animação está assegurada, fruto da colaboração de vários grupos.
Será, sem dúvida, um bom programa para animar este fim de semana, que se prevê um pouco agreste :(
A verdade é que sabe sempre bem uma sopinha p'ra aquecer e uma musiquinha p'ra alegrar...sobretudo se, com isso, também estivermos a ajudar!

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Uma pintura de Klimt e um poema de Peixoto...

Porque nestes dias cinzentos, precisamos mais de coisas belas, hoje partilho convosco mais uma pintura de Gustav Klimt, um dos meus pintores favoritos. Trata-se de um pormenor do quadro "As três idades da mulher", pormenor que retrata a maternidade...Para acompanhar a imagem, ficam as palavras de José Luís Peixoto, na sua vertente poética, com este "Palavras para a Minha Mãe"... 

mãe, tenho pena. esperei sempre que entendesses as palavras que nunca disse e os gestos que nunca fiz.
sei hoje que apenas esperei, mãe, e esperar não é suficiente.

pelas palavras que nunca disse, pelos gestos que me pediste tanto e eu nunca fui capaz de fazer, quero pedir-te desculpa, mãe, e sei que pedir desculpa não é suficiente.

às vezes, quero dizer-te tantas coisas que não consigo,a fotografia em que estou ao teu colo é a fotografia mais bonita que tenho, gosto de quando estás feliz.

lê isto: mãe, amo-te.
eu sei e tu sabes que poderei sempre fingir que não escrevi estas palavras, sim, mãe, hei-de fingir que não escrevi estas palavras, e tu hás-de fingir que não as leste, somos assim, mãe, mas eu sei e tu sabes.


(José Luís Peixoto, in "A Casa, a Escuridão")

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

5ª há concerto!

Na próxima 5ª feira, dia 6 de fevereiro, o Auditório do Stella Maris será palco de mais um concerto de acordeão
Depois de em Novembro ter promovido este, a Academia de Música Stella Maris promove agora a apresentação do novo cd de Rodrigo Maurício (professor de Academia), que assinala os seus 30 anos de carreira musical. Como convidados, estarão também em palco Teresa Maurício e Mario Gatto, acordeonista italiano. 
A entrada simbólica de 1€ (1 euro) reverte para o Fundo para Novos Instrumentos Musicais da Academia. 
A não perder!